Invasão de produtos Chineses e atrasos Correios Matéria Bom Dia Brasil

Reportagem do Bom Dia Brasil dessa sexta-feira, dia 27 de abril, comenta sobre a invasão de produtos chineses no Brasil e a falta de estrutura dos Correios para dar conta dessa demanda.



Sim! A demora dos Correios na entrega de produtos comprados no exterior, especialmente na China, foi matéria no Bom Dia Brasil da Globo nesta sexta-feira, com direito inclusive à entrevista com o presidente dos Correios.

Confira abaixo o vídeo que publiquei no canal UduTech sobre essa questão de demora para receber compras da China.

A reportagem foi bastante clara, mostrando que todo o problema está relacionado diretamente com a falta de estrutura e logística dos Correios no Brasil, inclusive usando os termos: “linha de produção lenta e sobrecarregada”.

Aproveite: Cupons de descontos da China.

Centro triagem em Pinhais na região metropolitana de Curitiba.

E nessa reportagem do Bom Dia Brasil referente aos atrasos dos Correios, alguns pontos me chamaram muita atenção que foram os seguintes:

➡ Falta de logística:

Os produtos geralmente entram pelo aeroporto de Guarulhos, e encomendas com até 2kg são enviadas para Pinhais na região metropolitana de Curitiba para fiscalização, taxação, etc da Receita Federal.

Leia também: Lightinthebox é confiável comprar?

Porém 1/3 desses produtos acaba voltando para São Paulo, para entrega, afinal o estado é um dos que mais utiliza o comercio eletrônico.

Agora imagine o tempo perdido e os gastos em todo esse processo! Pois produtos que já chegam em São Paulo, vão para Curitiba e depois voltam para São Paulo para entrega!

O Presidente dos Correios disse que já estão estudando um centro de triagem para São Paulo, mas parece até piada, afinal isso já deveria ter sido feito a muito tempo, pois se analisar as taxas e impostos que pagamos, deveríamos ter um serviço de primeiro mundo por aqui!

➡ Compras de novembro

Segundo a reportagem, em novembro, mês forte de vendas mundialmente devido a blackfriday, 11.11, etc, os Correios receberam cerca de 400 mil pacotes por dia, e sem estrutura para atender a demanda muitos atrasos aconteceram.

A pesar da matéria não ter sido clara nesse ponto, deu à entender que ainda existem muitas encomendas de novembro para serem entreguem ainda, que estão paradas em algum lugar nos Correios.

E nessa história toda, com atrasos, falta de atualizações de pacote, muitas lojas da China acabaram subindo os preços de produtos para envio ao Brasil, a própria Gearbest já não envia mais produtos acima de 2Kg para os Brasileiros, e os preços subiram consideravelmente, afinal pessoas que compraram em novembro e não receberam, acabaram pedindo reembolso(com razão pois não receberam as mercadorias), e com isso acaba gerando prejuízos na ponta vendedora.

➡ Minhas importações

Infelizmente a matéria não abordou o grande problema do sistema minhas importações, que está cheio de bugs ou problemas, sendo uma verdadeira sorte conseguir pagar as taxas.

Mas agora analisando mais friamente, será que todos esses “bugs” não são uma forma dos Correios simplesmente ganhar tempo? Pode ser apenas uma teoria conspirativa, mas tratando-se de Brasil nada é impossível.

➡ Participe nas redes sociais!

Para não perder nenhum uma dica como essa, notícias, novidades, cupons de descontos e muito mais sempre em 1° mão! Siga através da sua rede social favorita!
☑ Escolha a sua rede social favorita e faça parte dessa grande família!
➡ Acesse: uduluiz.com/grupos e participe!

16 comentários em “Invasão de produtos Chineses e atrasos Correios Matéria Bom Dia Brasil

  • 27 de abril de 2018 a 09:13
    Permalink

    Um absurdo! Pedi para 1 parente que mora nos EUA me enviar 1 par de tênis em 12/2017 e só fui receber em 03/2018 depois de muita canseira nos correios e alfandêga do Rio de Janeiro, abri chamados nos correios e receita federal, paguei a guia pois fui taxado e tive de esperar em torno de 20 dias p/ receber a minha encomenda depois é claro de reclamar nos correios pelos menos 3 vezes depois de pagar a guia; Agora eu só compro algo do exterior se for algo que eu queira muito ter e saber que não poderei comprar aqui pois a canseira e dor de cabeça não valem à pena.

    Responder
  • 27 de abril de 2018 a 11:38
    Permalink

    È uma vergonha e o estado não faz nada tenho várias encomendas desde setembro de 2017 que ainda não chegaram até um drone que comprei naõ apareceu mas não é só da china é de todo o lugar,não de entende como uma encomenda chega ao brasil em 3 dias e depois para chegar á pessoa que demore 4 ou 5 meses isto dentro do brasil Vergonhosoooooooooo

    Responder
  • 27 de abril de 2018 a 12:47
    Permalink

    Se o produto for enviado por remessa econômica, reza pra receber.
    Se o código de rastreamento do produto tiver um R na frente, reza pra receber.
    Os correios precisam de concorrência.
    É incrível como uma empresa que não tem concorrente, consegue cobrar caro e oferecer um serviço de baixa qualidade.

    Responder
    • 27 de abril de 2018 a 20:01
      Permalink

      o envio de encomendas não exclusivo correios.

      Responder
    • 27 de abril de 2018 a 20:03
      Permalink

      o correio tem monopólio postal apenas das cartas

      Responder
    • 28 de abril de 2018 a 23:52
      Permalink

      O problema é que os Correios não contratam mais a quase 5 anos, por isso há uma defasagem de 20 mil funcionários. E já declararam que não vão contratar, pois estão no “vermelho”.
      Sou funcionário dos Correios e sei que isso não é verdade. Ganham muito e roubam muito, por isso não tem dinheiro. Triste demais 😟

      Responder
  • 27 de abril de 2018 a 13:53
    Permalink

    Absurdo isso, uma mercadoria que adquiri em setembro de 2017 só foi entregue hoje, 27/04/18, aínda terei que ressarcir o vendedor porquê eu já havia recebido o valor, porquê pelo rastreio havia se perdido, incompetência total!

    Responder
  • 27 de abril de 2018 a 18:49
    Permalink

    Eu tbm tenho encomenda da china desde do ano passado até hoje só apareceu duas é o restante. Tenho umas para ser entregue já está na alfândega…, 40 dias para a entrega. A pouco dias fiz compra na site da china vamos espera pra ver né…

    Responder
  • 27 de abril de 2018 a 20:11
    Permalink

    Qdo faço compras da China a entrega q seria entre 20 a 40 dias se torna uma espera de 90 a 120 dias uma vergonha para Paraná este centro de triagem em Curitiba isso é Brasil

    Responder
  • 27 de abril de 2018 a 21:08
    Permalink

    Realmente… Esta sendo um aborrecimento tao grande!!! E a gente se sente completamente desprotegido, pois nao temis confiança se a reclamação sera considerada. E triste ter a certeza que o problema e administrativo. Nao é nas bases. Muita gente incompetente administrando os centros de distribuição. Não aceitam sugestão de quem bota a mao na massa pra valer, que sao os carteiros, e isso acaba piorando as coisas. Estou com encomenda parada no correio desde o final de janeiro.. e piada.. e o fornecedor cumpriu o prazo determinado… Depois que chegou no Brasil,, parou..

    Responder
  • 27 de abril de 2018 a 22:24
    Permalink

    Comprei um quadro de bike da china 04.01.2018 e até agora não chegou e quando foi postado em são paulo para fiscalização aduaneira para eu assim pagar a taxa de tributo os correios me posta que a mercadoria não autorizada por falta de pagamentos da taxa ,como assim se não recebi na minha pasta de correios a notificação de tributo ,absurdo dos absurdo esses correios com seus dirigentes 4 mês e diz que a mercadoria vaz ser redicionada isso é empresa de ninguém trabalhar com ela tem que privatizar mesmo ,cobre as taxa justa mais entregue as encomentas no dias certo,so importdor a muito tempo nunca muda.

    Responder
  • 28 de abril de 2018 a 06:54
    Permalink

    Os correios possui varios concorrentes. Porém, nem a concorrência consegue acompanhar. Ima vez que até eles mesmos utilizam o serviços dos correios.

    Responder
  • 28 de abril de 2018 a 09:18
    Permalink

    Outro problema é em relação às reclamações que fazemos só passar o prazo de entrega. Os Correios dão 5 dias úteis para dar uma resposta, passam os cinco dias e não temos uma resposta. Então devemos ligar para a central dos Correios, ficar uma hora (que já aconteceu comigo) aguardando atendimento para cobrar uma resposta e esperar receber uma resposta em até 10 dias úteis. Por causa desse péssimo serviço dos Correios, já perdi vendas e produtos de uso pessoal. E isso não é só com produtos de origem estrangeira. Nacional também.

    Responder
  • 28 de abril de 2018 a 18:18
    Permalink

    As postagens da china são baixas e as vezes sai até de graça por causa de acordo internacional sem falar estamos tirando a receita e empregos. Porque que vc não utilizao as transportadoras top como DHL e Fedex.

    Responder
  • 8 de maio de 2018 a 17:25
    Permalink

    Há 3 anos comprei um relógio Tissot de uma loja americana chamada Jomashop. Em 10 dias o relógio estava na alfândega brasileira. Depois de uns 30 dias foi liberado pela Receita Federal em Benfica (RJ) e partiu em trânsito para Campo Grande (MS). Aí meu amigo, apartir desse dia foram quase 6 meses de espera. Fiz B.O. na polícia via internet a qual depois transferiu meu caso para a Polícia Federal. No final das contas, a empresa idônea americana chamada Jomashop devolveu-me o dinheiro creditando meu cartão de crédito. Quanto ao relógio, sabe-se lá, deve estar no pulso de alguém, nem sei qual o resultado da investigação da PF. O nome do sumidouro é Benfica (RJ), fiquem atentos, evitem importações pelos Correios !!!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *