CUIDADO COM RECEITAS DE COMO FAZER ÁLCOOL EM GEL CASEIRO!

Com a falta do álcool em gel nas farmácias, muitas pessoas tem buscado por receita de álcool em gel caseiras, porém é preciso muito cuidado, como explicaremos no post abaixo!



Como fazer álcool em gel caseiro? Essa é uma pergunta feita por muitas pessoas nestes últimos dias, especialmente com a pandemia do coronavírus no Brasil, e a falta do produto nas redes de farmácia!

E nessa ansiedade de buscar uma proteção a mais, muitas pessoas estão recorrendo para receitas caseiras de álcool em gel, e na internet é possível encontrar as mais variadas receitas, algumas usando gel de cabelo, ou até mesmo gelatina na formulação!

E é aqui que mora o perigo, pois pode criar a falsa sensação de segurança e proteção, sem contar que algumas receitas além de não proteger contra o vírus, podem inclusive aumentar a sua exposição, sem contar os riscos que tais receitas podem trazer para a saúde, como irritações e alergias!

Desta forma, os especialistas são categóricos: Evite receitas caseiras! Na falta do álcool em gel a melhor solução de todas é lavar as mãos com água e sabão!

➡Regras de ouro no combate ao vírus!


➡ Lavar as mãos sempre!Essa é a regra de ouro no combate ao Coronavirus(COVID-19), lavar sempre as mãos com água e sabão!

➡ Tirar o calçado ao chegar da rua Ao chegar em casa, antes de mais nada retire o seu calçado, para não levar contaminação para dentro de sua casa, e de preferencia lave a sola do seu calçado para eliminar qualquer contaminação;

➡ Limpar maçanetas Limpe sempre as maçanetas nas portas da sua casa, especialmente da porta de entrada, na falta do álcool em gel para isso, utilize na limpeza o álcool 70%;

➡ Trocar a roupa e por para lavar: Ao chegar da rua retire a roupa que esta utilizando e coloque para lavar, assim você trás mais proteção e evita possíveis contaminações do vírus em sua roupa.

Não caia em fake news!

Antes de compartilhar qualquer informação ou notícias sobre o novo coronavirus, busque informações em fontes confiáveis como no site do Governo Federal na página do Ministérios da Saúde!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *